sábado, 24 de junho de 2017

Estudo do Inep mostra Porto Alegre com a maior média de remuneração salarial entre professores da rede pública de educação em todo o Brasil

Estudo do Inep mostra Porto Alegre com a maior média de remuneração salarial entre professores da rede pública de educação em todo o Brasil. Infelizmente, isto não se reflete em aprendizado das nossas crianças: a capital gaúcha está entre as últimas colocações em todos os índices que medem o desempenho dos alunos. Estamos trabalhando para mudar isso e fazer com que os alunos melhorem a proficiência em Português e Matemática!

Confere aí: http://educacao.estadao.com.br/…/geral,professor-ganha-em-m…

Nenhum texto alternativo automático disponível.


Fonte: https://www.facebook.com/gustavo.azambuja.92/posts/1392013897560244:3

Israel bombardeia Síria em resposta a disparos de foguetes

Ataque matou dois soldados sírios, israelenses condenaram "violação de soberania"

Ataque matou dois soldados sírios, israelenses condenaram

Ataque matou dois soldados sírios, israelenses condenaram "violação de soberania" | Foto: Jaala Marey / AFP / CP

Um avião israelense bombardeou neste sábado um setor da Síria de onde foram disparados 10 projéteis em direção às Colina de Golã, região ocupada por Israel, anunciou um porta-voz do Exército. A Força Aérea israelense também atacou dois tanques do "governo sírio" na parte norte do Golã, acrescentou o porta-voz, que afirmou que os projéteis não deixaram vítimas.

Segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH), o ataque matou dois soldados sírios. "Devido à inaceitável violação da soberania israelense, será dirigido um protesto oficial à UNDOF", a força da ONU encarregada de vigiar a zona desde 1974, afirmou o porta-voz israelense. Também indicou que os disparos de projéteis eram produto de "combates internos na Síria", ou seja, que não tinham como objetivo o setor do Golã controlado por Israel.

Os disparos de foguetes ou projéteis procedentes da Síria costumam ocorrer regularmente nessa região, derivados dos confrontos entre as forças do governo de Bashar al-Assad e os grupos rebeldes. O OSDH informou sobre violentos combates entre as forças do governo e os rebeldes na província de Quneitra, perto das Colinas de Golã.

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyhau, afirmou que Israel não tolerará "nenhum disparo" contra o seu território. "Responderemos com força se nos atacarem", avisou, segundo um tuíte de seu porta-voz, Ofir Gendelman. Israel ocupa desde 1967 cerca de 1.200 km2 das Colinas do Golã, uma decisão não reconhecida pela comunidade internacional. Cerca de 510 km2 seguem sob o controle sírio.


AFP e Correio do Povo

Fábio Assunção é detido por desacato e dano ao patrimônio



Na madrugada deste sábado, o ator Fábio Assunção foi detido por policiais militares em Arcoverde, Pernambuco, sob alegação de desacato e dano ao patrimônio público. Ele teria quebrado a viatura. Uma gravação mostra o ator visivelmente alterado.









Ex-cliente dos melhores restaurantes do mundo, o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral agora trabalha na cozinha da penitenciária

Prisão do ex-governador pela PF. (Foto: AG)


O ex-governador Sérgio Cabral (PMDB), está trabalhando na cozinha da prisão.

Para quem estava acostumado aos melhores restaurantes — como o Louis XV, no Hotel de France, em Mônaco, onde disse estar “no mellhor Alain Ducasse do mundo”, referindo-se ao chef — o moço terminou na cozinha de Benfica.

O médico

Já o ex-secretário estadual de Saúde Sérgio Côrtes, companheiro de Cabral dos tempos de bonança — e das viagens a Paris — agora, também parceiro de cela, conseguiu uma colocação, digamos, mais especializada.

Ortopedista, Côrtes está trabalhando no ambulatório do centro prisional.

Vantagens

Para os presos comuns, os dias trabalhados na cadeia são importantes porque ajudam a reduzir a pena a ser cumprida.

Embora, no caso destes dois, haja trabalho!

De qualquer forma, ter uma atividade sempre ajuda a passar o tempo — que é muito.

Rede de restaurante era usada para lavar dinheiro

Uma das maiores redes de restaurante de comida japonesa do Rio de Janeiro servia para lavar dinheiro de propina da quadrilha do ex-governador Sérgio Cabral, do PMDB. Foi o dono do Manekineko quem ajudou os promotores do Ministério Público Federal nas investigações. Italo Garritano Barros disse, em delação premiada em maio, que os crimes foram praticados pelo escritório de advocacia Ancelmo Advogados, da mulher de Sérgio Cabral, Adriana Ancelmo.

Italo Barros é casado com a irmã da mulher de Thiago Aragão, que está preso desde janeiro deste ano. Thiago era um dos sócios do escritório da ex-primeira dama. Segundo as investigações, o escritório usava dinheiro de propina, recebido de fornecedores do Governo, para pagar parte do salário dos funcionários do restaurante.

O esquema começou em meados de 2014 e foi proposto por Thiago Aragão ao concunhado, que passava por dificuldades financeiras por causa de indenizações trabalhistas e funcionava da seguinte forma: a empresa Manekineko dividia a folha de pagamento em duas – folha A e folha B. A folha A era paga regular e legalmente. A folha B era paga por fora, com valores que não constavam na carteira de trabalho dos funcionários.

Thiago Aragão se comprometeu a emitir notas fiscais mensais no valor da folha B em nome do escritório Ancelmo Advogados e lançar como prestação de serviços que, na verdade, nunca existiram, mas foram pagos pelo restaurante.

Essa divisão salarial irregular gerou uma série de ações judiciais. Na delação, Italo Barros contou ainda que, em troca, Thiago Aragão fazia pessoalmente o pagamento da folha B, sem recolhimento de impostos, na boca do caixa. Ele usava o dinheiro vindo de operadores de Sérgio Cabral e entregava a quantia em uma mochila junto com uma lista com os nomes dos funcionários para a gerente do banco. Foi a forma que eles encontraram para ocultar a origem de parte do salário dos funcionários e evitar mais dor de cabeça na Justiça.

Italo Barros também disse que, sabia que tinha praticado uma fraude trabalhista, mas foi surpreendido com as notícias de que o restaurante estaria lavando dinheiro através do escritório de Adriana Ancelmo.

Para o Ministério Público Federal, Italo Barros acabou sendo usado pela organização criminosa. O esquema durou, pelo menos, um ano e movimentou R$ 3 milhões. O delator contou ainda que, depois da prisão de Adriana Ancelmo, no fim do ano passado, Thiago Aragão tentou forçá-lo a mentir sobre o esquema de lavagem de dinheiro.

Diante de todos esses fatos, o Ministério Público denunciou Thiago Aragão por obstrução da Justiça e pediu, novamente, a prisão preventiva do ex-sócio de Adriana Ancelmo. (AG)


O Sul

Cláudio Brito explica direitos do consumidor na compra de imóvel na planta

VÍDEO: entenda como se formam os congestionamentos e veja dicas de como fugir deles

Pequenas mudanças de atitude podem ajudar a melhorar o cotidiano

Por: Bruna Vargas

A resolução do problema dos congestionamentos mora no futuro, mas isso não quer dizer que você seja obrigado a enfrentar a tranqueira do trânsito de Porto Alegre diariamente. Pequenas mudanças de atitude podem ajudar a melhorar a circulação para todos. Veja cinco alternativas para evitar engarrafamentos que estão ao seu alcance.

Leia mais:
Por que as ruas e avenidas de Porto Alegre engarrafam
EPTC aposta em obras, especialistas defendem conexão de modais
Confira pontos e horários de maior congestionamento em Porto Alegre

1. Planeje seus deslocamentos

Você já parou para pensar que esperar meia hora para sair de casa pode poupar 40 minutos de trânsito? Antes de pegar o carro, avalie a possibilidade de fugir dos horários de pico. Aproveite para considerar se não vale a pena usar outro meio de transporte para chegar aonde deseja. Segundo especialistas, deslocamentos entre cinco e sete quilômetros são ideais para serem feitos de bicicleta. Se as condições não forem favoráveis, estude as opções de transporte coletivo, ou ainda táxi, Uber ou Cabify. Além de atenderem mais passageiros, eles dispensam estacionamento.

2. Respeite as leis de trânsito

Pode soar um tanto óbvio, mas respeitar as leis é fundamental para que o trânsito corra melhor. Parar em lugares indevidos, realizar ultrapassagens e falar ao celular enquanto dirigem são fatores que, além de provocar acidentes, contribuem para os congestionamentos.

3. A pressa é inimiga da eficiência

Uma das coisas que mais provocam congestionamentos "fantasmas" é a variação de velocidade: acelerar e brecar, forçando outros veículos a fazerem a mesma coisa, é um veneno para a circulação. Para evitar transtornos, procure manter a velocidade e respeitar a distância mínima de dois segundos do veículo à frente sugerida pelos órgãos de controle de trânsito.

4. Dê e pegue carona

Combine caronas com seus vizinhos. Um sistema de revezamento para levar as crianças na escola ou ir ao trabalho sairá mais rápido e econômico para todos. Além de poupar o trânsito de mais um carro.

5. Use a tecnologia a seu favor

Na visão de especialistas, aplicativos de circulação, como o Waze, de fato são úteis na hora do rush: eles ajudam a buscar rotas alternativas, diminuindo o tempo de circulação. A tecnologia, no entanto, pode levar você além da fuga. Descubra quais serviços pelos quais você se desloca atualmente podem ser feitos pela internet. Ir ao banco ou fazer compras, por exemplo, muitas vezes estão ao alcance de um touch screen. Além de evitar deslocamentos desnecessários, esse tipo de facilidade o deixará com mais tempo livre para fazer o que gosta.

Fonte: Carlos Hardt, professor de gestão urbana da PUC-PR; João Otavio Marques Neto, consultor em projetos de circulação viária; Marcelo Soletti, diretor-presidente da EPTC; Valter Caldana, professor da Faculdade de Arquitetura Mackenzie de São Paulo; João Fortini Albano, doutor em transportes


Zero Hora

Etchegoyen já escolheu substituto de Daiello

Resultado de imagem para Rogério Galloro


Sérgio Etchegoyen quer nomear Rogério Galloro como novo diretor-geral da Polícia Federal no lugar de Leandro Daiello. Galloro é hoje o número dois da PF considerado por colegas um perfil 'político'.

Como O Antagonista antecipou, o general do GSI é o homem mais forte do governo Michel Temer depois de Henrique Meirelles (ou antes).

ETCHEGOYEN QUER INDICAR DIRETOR DA PF

Brasil 16.06.17 14:06

O Antagonista apurou que o generalíssimo Sérgio Etchegoyen, que se tornou um dos pilares do governo Michel Temer ao lado de Henrique Meirelles, quer nomear o diretor-geral da Polícia Federal.

Amigo do comandante do Exército, Etchegoyen já controla a Abin e estaria por trás da indicação de Torquato Jardim para o Ministério da Justiça.


O Antagonista



AO VIVO | TV Antagonista

[ Acesse o vídeo aqui]


Etchegoyen "assume"segurança pública
Lauro Jardim informa que o generalíssimo Sérgio Etchegoyen abriu evento para secretários de Segurança de todo o país em Porto Alegre, atropelando o ministro da Justiça,Torquato Jardim...

A legalidade das palestras de Dallagnol

Nota divulgada pelo MPF, após os ataques contra as palestras de Deltan Dallagnol...[ leia mais]

Vai piorar, Dallagnol
O jogo imundo contra Deltan Dallagnol vai piorar depois que Lula for condenado...

Dallagnol ovacionado
Deltan Dallagnol está sendo atacado por suas palestras, mas ele é transparente em tudo o que faz...

Dallagnol investigado
Deltan Dallagnol está sendo atacado por suas palestras...


Áudio: "A sociedade não pode pagar por vagabundo", diz presidente da Eletrobras

De Wilson Ferreira Júnior, presidente da Eletrobras, em reunião com sindicalistas no último dia 1º (o áudio foi divulgado pelo Estadão), sobre os "chefes" da estatal...[ leia mais]

Um troféu para Wilson
Wilson Ferreira Júnior, presidente da Eletrobras, deveria ganhar um troféu, por ter dito que "a sociedade não pode pagar por vagabundo, em especial no serviço público"...

Adriana Ancelmo não vai ser presa?

A PF recuperou 15 jóias escondidas por Adriana Ancelmo na casa de sua governanta e de sua irmã...[ leia mais]

Jóias? Para PF, tesouro de Cabral está em outro lugar
A Operação Calicute mostrou que Hudson Braga, operador de Sérgio Cabral, movimentou grandes quantias usando a empresa de valores...

Fux: "Não existe um governo de juízes"

Luiz Fux, em palestra em São Paulo, sobre o papel do STF no cenário político:

"Não existe um governo de juízes. Esse protagonismo do Supremo Tribunal Federal...[ leia mais]


Reunião de Pauta: "Joesley no matadouro"

[ Acesse o vídeo aqui]

O sujo e o mal lavado

Sem citar nomes, o presidente do DEM, José Agripino Maia, afirmou a O Antagonista que "grandes nomes" de outros partidos estão demonstrando interesse em migrar para a legenda...[ leia mais]


Caiado vai disputar o governo de Goiás

José Agripino Maia, presidente nacional do DEM, disse a O Antagonista que Ronaldo Caiado "assumiu de vez", nas últimas semanas, sua candidatura ao governo de Goiás...[ leia mais]

A figura oculta de Temer

Michel Temer está cada vez mais parecido com Dilma Rousseff - já dissemos isso ontem. Hoje, ele chamou o rei da Noruega de rei da Suécia...[ leia mais]

Pezão: "Falei em sair no sentido da minha saúde"

Luiz Fernando Pezão explicou à TV Globo o fato de ter dito, em uma reunião com servidores nesta semana, que não sabia se chegará ao final do mandato...[ leia mais]

Armínio: "Problema político é ainda maior do que o econômico"

Armínio Fraga, em debate no Insper, disse:

“Acho que o nosso problema econômico é enorme, está numa trajetória insustentável mesmo com o que sobrou das reformas...[ leia mais]